image


Bolada dividida

Ganhador da Mega-Sena empresta dinheiro e paga dívida de pensão à filha com microcefalia em Santa Catarina

Altamir José da Igreja chegou a ter a prisão decretada por não pagar o valor de R$ 160 mil para custear o tratamento da menina
image Crédito: Foto: Lilian Simioni- Ganhador da Mega-Sena empresta dinheiro e paga dívida de pensão à filha com microcefalia em Santa Catarina
Fonte: Portal Norte de Notícias - Há 1 semanas

Após ter a prisão decretada por não pagar a pensão alimentícia, o advogado de defesa do aposentado Altamir José da Igreja afirmou, na tarde desta quarta-feira, 24, que o cliente pagou a dívida no valor de R$ 160 mil à filha com microcefalia, em Tangará, Santa Catarina (RS).

Compartilhe esta notícia no seu Whatsapp

Compartilhe esta notícia no seu Telegram

Altamir ganhou uma bolada milionária da Mega-Sena 2007, e desde agosto de 2019 devia pensão à filha .

“A dívida foi paga na manhã de hoje. O senhor Altamir conseguiu um empréstimo com terceiros e quitou o valor”, afirmou o advogado Rodrigo Scarton. 

Bolada dividida 

Tramitou na Justiça, por seis anos, uma disputa para definir a quem pertencia o prêmio milionário. No embate, estavam Altamir e outro homem, um ex-funcionário dele. Em 2007, eles entraram em acordo e dividiram a bolada de R$ 27 milhões da premiação, que, corrigidos à época, ultrapassaram os R$ 40 milhões.

___________________________________

RELACIONADAS

Operação Angelus cumpre 52 mandados de prisão cível pelo não pagamento de pensão alimentícia, em Manaus

Filha denuncia cantor Marcelo Falcão por não pagamento de pensão alimentícia e justiça decreta prisão do artista

Ator André Gonçalves tem prisão decretada e deverá usar tornozeleira eletrônica

___________________________________

Dificuldades 

No dia 22 de novembro, Altamir prestou depoimento na Delegacia de Polícia de Tangará. Ele relatou ter investido o valor ganho na Mega-Sena de 2001, e disse passar por “dificuldades financeiras”. 

Ele assegurou ainda, jamais ter deixado de prestar sustento à filha, mesmo devendo R$ 54,1 mil de pensão alimentícia à época.

Apae 

O milionário também disse não entender o motivo pelo qual a filha necessita do valor atribuído como pensão, pois a criança frequenta a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) diariamente e “almoça na escola”.

Vale lembrar, que Altamir já havia sido preso em 15 de julho de 2019.

_____________________________

ACESSE TAMBÉM:

As mais acessadas do dia

VÍDEO: filho se desespera ao reconhecer pai morto por engano, em Manaus

 

Mãe de Jennifer conta a filha sobre morte do namorado mochileiro: 'ela ficou desesperada'

 

VÍDEO: agricultor morre afogado em comunidade rural de Manacapuru, interior do Amazonas

 

VÍDEO: Rio Madeira é invadido por balsas e dragas de garimpo ilegal no AM

 

Cresce procura por Gás Natural Veicular em Manaus e consumo em setembro tem alta de 48,5%, diz Cigás

Tags
image