image


Sneakerheads

Tênis de até R$ 10 milhões? Conheça cinco modelos usados por atletas e colecionadores aficionados

Tênis de ouro puro ou usado por grandes nomes do esporte mundial estão entre os calçados mais caros do mundo
image Crédito: Reprodução/ montagem Portal Norte
Fonte: Portal Norte de Notícias - Há 1 semanas

Tênis de ouro puro ou usado por grandes nomes do esporte mundial estão entre os calçados mais caros do mundo.

- Envie esta notícia no seu WhatsApp

- Envie esta notícia no seu Telegram

Veja a seguir os 5 tênis mais caros da história, dos quais fazem parte edições raras, que foram vendidas por mais de sete dígitos de reais.

Nike Waffle Racing Flat “Moon Shoe” – US$ 437,5 mil (R$ 2,2 milhões)

Em quinto lugar está o Nike Waffle Racing Flat “Moon Shoe”. Em um leilão da Sotheby’s que reuniu alguns dos tênis mais raros do mundo, este modelo de 1972 nunca usado da Nike superou as expectativas de preço.

Antes avaliado em US$ 160 mil, seu valor quase triplicou, vendido para o empresário Miles Nadal.

Seu valor alto vem do fato de ser um dos apenas 12 pares que a Nike produziu para o time dos EUA nos Jogos Olímpicos de 1972 e foi desenvolvido pelo cofundador da marca Bill Bowerman.

Foto: Reprodução Forbes

 

Air Jordan 1 High “Chicago” – US$ 615 mil (R$ 3,2 milhões)

Em quarto lugar, está o tênis usado por um dos maiores jogadores de basquete e atletas do mundo: Michael Jordan.

O modelo foi usado pelo astro em uma partida em 1985 na Itália, dos tempos que jogava para o Chicago Bulls.

Com a assinatura de Jordan, o tênis foi a leilão em agosto de 2020 pela Christie’s.

Descrito como um “artefato único” do jogador, o modelo tem um caco de vidro na sola esquerda, de quando ele quebrou o vidro da tabela de basquete ao fazer uma cesta com força.

Foto: Reprodução Forbes

 

Nike Air Ship – US$ 1,47 milhão (R$ 7,6 milhões)

Em terceiro lugar, está outro tênis usado pela lenda do basquete Michael Jordan, dentro e fora das quadras.

Datado de 1984, esse era o modelo adotado pelo jogador antes de ele assinar uma linha colaborativa de roupas e calçados com a Nike.

Um dos seus usos registrados foi no quinto jogo de Jordan no Chicago Bulls, logo na sua temporada de estreia. Em outubro do ano passado, a Sotheby’s leiloou o tênis de tamanho 45 para o colecionador Nick Fiorella.

Anteriormente, o item autografado foi dado de presente por Jordan a Tommie Tim III Lewis, o gandula do Denver Nuggets, durante a temporada 1984-85.

Foto: Reprodução Forbes

 

Nike Air Yeezy 1 – US$ 1,8 milhão (R$ 9,4 milhões)

Em segundo lugar, está o par que deu início à trajetória do rapper Kanye West no universo dos calçados e transformou West em um ícone da indústria fashion teve uma venda privada pela Sotheby’s em maio do ano passado, atingindo o preço de US$ 1,8 milhão.

Arrematado pelo colecionador Ryan Chang, o valor foi bem acima do US$ 1 milhão avaliado originalmente, transformando-o no par de tênis mais caro já vendido.

Foto: Reprodução Forbes

 

Solid Gold OVO x Air Jordans – US$ 2 milhões (R$ 10,4 milhões)

Em primeiro lugar, está um tênis feito de puro ouro sólido de quilates e que não é usável.

O par personalizado foi feito especialmente para o rapper Drake em 2016.

A quantidade de metal precioso não deixa apenas o seu preço exponencial, mas o peso: cada pé pesa nada menos que 22 quilos.

O design, concebido pelo artista norte-americano Math Senna, usa o clássico modelo da Nike Air Jordan 10’s e é praticamente uma escultura de arte.

Foto: Reprodução Forbes/Math Senna

 

______________________________________

ACESSE TAMBÉM MAIS LIDAS

 

image
 
image
 
image
 
image
 
image

Tags