image


Na Bombonera

Corinthians desafia Boca por vaga às quartas de final da Libertadores

Duelo na Bombonera, em Buenos Aires, começa às 21h30 desta terça (horário de Brasília)
image Crédito: Amanda Perobelli/Reuters - Timão pega o Boca Juniors na Bombonera, no duelo de volta do confronto pelas oitavas de final
Fonte: Portal Norte de Notícias - Há 1 semanas

Um dia após celebrar os dez anos da primeira conquista da Libertadores, o Corinthians decide o futuro na edição deste ano do torneio sul-americano diante do mesmo rival contra o qual festejou a taça em 2012.

Nesta terça-feira, 5, às 21h30 (horário de Brasília), o Timão pega o Boca Juniors na Bombonera, em Buenos Aires (Argentina), no duelo de volta do confronto pelas oitavas de final.

- Envie esta notícia no seu WhatsApp

- Envie esta notícia no seu Telegram

As equipes empataram sem gols no jogo de ida, há uma semana, na Neo Química Arena, em São Paulo. Em caso de nova igualdade, a decisão será nos pênaltis.

Uma vitória simples basta para os times assegurarem a classificação no tempo normal.

É a quarta vez que Corinthians e Boca estarão frente a frente nesta Libertadores.

Os times caíram no mesmo grupo da primeira fase, com vitória alvinegra em São Paulo (2 a 0) e um empate na Bombonera (1 a 1).

A equipe argentina, porém, avançou às oitavas com campanha superior a do Timão. Por isso, faz a partida de volta do confronto das oitavas em casa.

O técnico Vitor Pereira tem vários problemas para escalar o time.

São seis desfalques por lesão (o lateral Fagner, os volantes Maycon e Paulinho, o meia Renato Augusto e os atacantes Gustavo Mosquito e Júnior Moraes), além do meia Adson, que testou positivo para Covid-19.

Na reta final do tratamento das respectivas contusões, o volante Du Queiroz e o atacante Willian viajaram com o grupo e são dúvidas.

Após poupar a maior parte dos titulares na derrota por 4 a 0 para o Fluminense, no sábado, 2, no Maracanã, no Rio de Janeiro, pelo Campeonato Brasileiro, o treinador português deve escalar o Timão com: Cássio, Rafael Ramos, João Victor, Raul Gustavo e Fábio Santos; Roni (Du Queiroz), Víctor Cantillo e Giuliano; Gustavo Mantuan, Lucas Piton (Willian) e Róger Guedes.

É a terceira vez que os times se cruzam nas oitavas da Libertadores. Nas anteriores, em 1991 e 2013, o Boca levou a melhor.

_________________________________________

RELACIONADAS

Neymar encerra férias e projeta Copa do Mundo do Catar: ‘Temos um troféuzinho pra buscar!!!’

Rodrygo estende permanência no Real Madrid até 2028

_________________________________________

Para repetir a história, a equipe dirigida por Sebastián Battaglia terá força máxima à disposição.

O técnico argentino poupou os titulares no fim de semana, na derrota por 3 a 0 para o Banfield, em casa, pelo campeonato local.

Em relação ao jogo de ida, a novidade deve ser a volta de Frank Fabra à lateral esquerda, no lugar de Agustín Sandez, após cumprir suspensão.

A provável escalação do Boca terá: Agustín Rossi, Luís Advincula, Marcos Rojo, Carlos Izquierdoz e Frank Fabra; Pol Fernandez, Alan Varela e Óscar Romero; Exequiel Zeballos, Sebastián Villa e Darío Benedetto.

Quem avançar, terá pela frente o classificado de Flamengo e Tolima (Colômbia) nas quartas de final.

O Rubro-Negro venceu a partida de ida, na quarta-feira passada, 29, por 1 a 0, no Estádio Manuel Murillo Toro, na cidade colombiana de Ibagué.

O duelo de volta será nesta quarta-feira, 6, às 21h30, no Maracanã.

O time brasileiro tem a vantagem do empate.

_____________________________________

ACESSE TAMBÉM MAIS LIDAS

image
 
image
 
image
 
image
 
image

Tags