image


Mal exemplo

Djokovic tem visto cancelado pela segunda vez e deve ser deportado da Austrália

As autoridades locais alegam que o sérvio, por não está vacinado contra a Covid, representa um risco para a comunidade australiana.
image Crédito: Divulgação/ATP - o atual número 1 do ranking da ATP pode ficar fora da disputa do Aberto da Austrália. 
Fonte: Portal Norte de Notícias - Há 2 semanas

O visto do tenista Novak Djokovic foi cancelado pelo governo australiano, nesta sexta-feira, 14. 

É a segunda vez que isso acontece. 

Envie esta notícia no seu Whatsapp

Envie esta notícia no seu Telegram

As autoridades locais alegam que o sérvio, por não está vacinado contra a Covid, representa um risco.

Desta forma, o atual número 1 do ranking da ATP pode ficar fora da disputa do Aberto da Austrália. 

A disputa é o primeiro Grand Slam do ano, em Melbourne, que começará na próxima segunda.

Cancelamento

O ministro da Imigração, Alex Hawke, usou poderes discricionários para cancelar novamente o visto de Djokovic. 

O fato se deu depois que o Tribunal Federal da Austrália anulou uma revogação anterior e liberou o tenista da detenção de imigração na última segunda-feira.

Agora com a decisão de Hawke, além de correr o risco de ser deportado, o sérvio pode ser impedido de entrar na Austrália por três anos devido ao cancelamento do visto

Os advogados de Djokovic recorrem novamente.

Djoko entrou no país em 5 de janeiro sem se vacinar. Ele alegou que testou positivo para covid-19 em 16 de dezembro. 

O estado de Victoria, onde está situada Melbourne, a sede do Grand Slam, determinou que só pessoas vacinadas poderiam entrar parar jogar o torneio.

 

ACESSE TAMBÉM MAIS LIDAS

 

image
 
image
 
image
 
image
 
image

 

Tags