image


Enchente

Cidade de Juruá, no AM, decreta estado de emergência por conta da cheia do Rio Juruá

Subida das águas atinge mais de 5 mil moradores
image Crédito: Divulgação/Defesa Civil de Juruá- Cheia do rio Juruá no município
Fonte: Ana Kelly Franco - Há 2 semanas

A Prefeitura de Juruá, a 672 Km de Manaus, decretou situação de emergência por 180 dias em função da cheia do Rio Juruá. A enchente já atinge mais de 5 mil pessoas.

O decreto de nº 002/2022 foi assinado no dia 18 de abril, pelo prefeito José Maria Rodrigues da Rocha Junior e publicado no Diário Oficial dos Municípios (DOM) na edição de quarta-feira, 20.

Envie esta notícia no seu Whatsapp

Envie esta notícia no seu Telegram

Além de Juruá, os municípios de Boca do Acre, Guajará, Ipixuna, Envira, Manacapuru e Eirunepé já decretaram situação de emergência por conta da subida dos rios no interior do Estado.

De acordo com dados do Centro de Monitoramento e Alerta do Amazonas (Cemoa) da Defesa Civil do Estado, o nível do Juruá no município está em status de transbordamento.

Segundo informações do boletim nº 15 de monitoramento hidrometeorológico da Amazônia Ocidental, do Serviço Geológico do Brasil (CPRM), o rio Juruá apresentou 252 milímetros de chuvas entre 15 de março a 13 de abril. 

Na última terça-feira, 19, o rio ultrapassou a cota máxima de transbordamento de 13 metros.

__________________________________

RELACIONADAS

Prefeitura de Parintins, no AM, decreta situação de emergência, após temporal alagar cidade

Itamarati, no AM, decreta estado de emergência por conta da cheia do Rio Juruá

Boca do Acre, no AM, decreta estado de emergência por conta da cheia dos rios Purus e Acre

Eirunepé, no AM, decreta estado de emergência por conta da cheia do Rio Juruá

+Bacias dos rios Juruá e Madeira apresentam status de 'alerta' por conta do volume de chuvas, diz Cemoa

__________________________________

A maior enchente registrada no município foi de 14,62 metros em maio de 2009.

Prejuízo 

A subida dos rios já causa diversos problemas no âmbito social e ambiental, como a degradação de vias e famílias desabrigadas. 

Segundo dados da prefeitura, 5.560 pessoas já são atingidas pelo transbordamento do rio.

A enchente já atinge cerca de 1.485 famílias, sendo que 1.138 estão Desalojados, 279 desabrigadas e 497 apresentam algum tipo de enfermidade.

 

__________________________________

ACESSE TAMBÉM MAIS LIDAS

 

image
 
 
image
 
 
image
 
 
image
 
 
image

Tags